8 motivos para morar no Norte da Ilha

scimoveis

Independente se você deseja comprar, investir ou alugar uma apartamento, a escolha da região é uma das questões mais complicadas. Muitas informações entram em análise – como preço, segurança, comodidades, lazer, transporte. E quando se trata de Florianópolis e de todas as suas possibilidades, a procura pode se tornar até angustiante, não é mesmo?

Neste post, vamos falar dos bons motivos para morar no Norte da Ilha de Santa Catarina. A região é composta por alguns dos bairros mais conhecidos da cidade, como Ingleses, Jurerê, Canasvieiras e possui uma diversidade de estilos bem interessante. É aqui também que o verão acontece em Florianópolis, seja quais forem suas preferências musicais, possibilidades financeiras ou atividades de lazer preferidas.

Conheça 8 motivos para morar no Norte da Ilha

1 – As praias

Oficialmente, Florianópolis tem 42 praias entre as regiões continental e insular. No entanto, levantamentos que consideram também as praias das ilhas que integram o município (como Ratones e Campeche) além das próximas às lagoas e as de difícil acesso fazem esse número subir para 100.

É no Norte que a maior parte delas está localizada – e com uma praia para cada tipo de pessoa, sério. Se você gosta de comodidade, os Ingleses têm um centrinho repleto de comércio e restaurantes, além de infraestrutura na praia. Jurerê Internacional é a opção mais “ostentação”, com beach clubs e taças de espumante sendo vendidas na areia. Já a Daniela é uma opção mais família para quem não gosta de muitos ambulantes ou agito. Ainda tem como opção Cachoeira do Bom Jesus, Praia Brava, Moçambique, Canasvieiras, Jurerê, Cacupé, Sambaqui, Santo Antônio de Lisboa, Santinho entre outras.

2 – Baladas

São mais de dez casas noturnas espalhadas pelo Norte da Ilha, além de dois complexos que comportam grandes shows (Centro de Eventos Canasvieiras e Music Park) e beach clubs. A maioria das festas se reservam a tocar música eletrônica, mas existem opções de pop/rock, sertanejo e até samba/pagode.

Mas se você gosta de um agito, mesmo preferindo algo um pouco mais calmo, a alternativa é se esbaldar nos barzinhos do Centrinho dos Ingleses.

3 – Alimentação

Um dos melhores motivos para morar no Norte da Ilha é a comida. Na região há a Rota Gastronômica do Sol Poente, entre os bairros Sambaqui e Santo Antônio, que é concentrada na oferta de peixes e frutos do mar incrivelmente frescos. Mas também existem restaurantes de diversas nacionalidades nas redondezas. Opções de cozinha italiana, indiana, americana, australiana, bistrôs entre muitos outros podem ser encontrados no Centrinho dos Ingleses ou em Jurerê Internacional.

4 – Proximidade com universidades

Três universidades particulares em Florianópolis têm sede no Norte da Ilha: Faculdades Estácio/Assesc, Complexo de Ensino Superior de Santa Catarina (Cesusc) e Universidade do Sul de Santa Catarina (Unisul). Elas oferecem cursos de graduação, especialização, MBA, mestrado e cursos livres.

5 – Contato com a natureza

Além da infraestrutura de festas e opções de lazer, o Norte da Ilha também é um excelente local para ficar mais em contato com a natureza. Várias trilhas passam pela região, assim como parques e muita área de preservação.

Se o seu ritmo é mais acelerado, existem diversas opções de esportes outdoor para se fazer na parte Norte, como surfe na Praia Brava e no Santinho, sandboard nas dunas dos Ingleses e mergulho na Ilha do Arvoredo.

6 – Centros tecnológicos

A região norte de Florianópolis tem, hoje, quatro centros tecnológicos em funcionamento: ACATE/Primavera, Parque Alfa, Sapiens Park e Corporate Park. Até o final do ano, outro será entregue próximo ao Cacupé.

Essas empresas concentram uma das mercados mais promissores da cidade (o mercado de tecnologia) e constantemente estão com vagas abertas em seus quadros.

7 – Segurança

Como um todo, Florianópolis é uma cidade bastante segura. Inclusive, a Capital de SC venceu o prêmio de “Melhor Cidade para Criar seus Filhos” feito em parceira pela Delta Economics & Finance e a revista Exame. Um dos quesitos era justamente a segurança.

Ainda assim, além do policiamento do estado, a região conta também com grupos de vizinhos vigilantes e empresas de segurança privada.

8 – Transporte público

Mais de 40 linhas de transporte público circulam pelo Norte da Ilha de Santa Catarina e fazem a conexão dela com outras regiões. Essa parte da cidade é uma das melhores abastecidas pelo sistema de ônibus porque possui dois dos seis terminais de integração. O que permite que a movimentação através do transporte público nesta área seja facilitada e simples.

 

cta-blog-sc-4-VendaELocacao