Como identificar um pé-direito alto e por que ele valoriza um imóvel

scimoveis

A compra de uma casa necessita levar em consideração alguns fatores que podem fazer a diferença no momento da aquisição e de uma possível venda futura do imóvel. Um desses fatores é a altura que você deseja para os ambientes da sua nova residência ou do imóvel que vai adquirir para diversificar os seus investimentos. O termo para identificar essa altura é chamado de pé-direito.

No universo da construção civil existem dois tipos de pé-direito: o pé-direito alto e o pé-direito baixo. Neste post, vamos apresentar a importância de um pé-direito alto e esclarecer por que ele pode fazer toda a diferença na hora de adquirir e de vender um imóvel.

Pé-direito alto: o que o caracteriza?

Um imóvel tem um pé-direito alto quando a distância entre o piso e o teto varia de 3 a 4,5 metros. Atenção: a partir de 5 metros, o pé-direito é considerado duplo. O pé-direito alto pode ser encontrado tanto em casas como em apartamentos. Ele também é cada vez mais visto em hotéis, restaurantes e áreas comerciais.

Hoje, o pé-direito alto é cada vez mais comum em apartamentos. Isso ocorre porque as construtoras estão investindo no uso dos mezaninos, deixando o ambiente mais espaçoso e bonito. Mas para utilizar bem a altura do seu próximo imóvel é recomendado que você instale parapeitos para garantir a segurança nos lugares mais altos, posicione lustres que fiquem em uma posição que facilite a manutenção e deixe o ambiente bonito e bem iluminado.

As vantagens de investir em um imóvel com pé-direito alto

Mas afinal, qual é a vantagem de utilizar um pé-direito alto? Além da beleza e da estética, já que o pé-direito alto deixa o imóvel mais amplo e mais bonito, outras características trazem benefícios para quem investe em um imóvel com esse diferencial.

Outra vantagem é a valorização do imóvel. Como se trata de uma tendência de mercado, muita gente procura uma casa que tenha o pé-direito alto. A residência com design diferenciado também chama mais atenção dos investidores.

Uma residência com pé-direito alto também tem uma temperatura mais adequada e mais equilibrada. É simples: o ar quente costuma subir e o frio costuma descer. Com isso, ambientes com teto alto tendem a ser mais frescos. O fato de ser uma casa ou um apartamento com pé-direito alto também dá a impressão de que o local é mais espaçoso.

É bom lembrar que as medidas de largura e de comprimento desse ambiente não podem ser menores que a altura dele. O espaço com pé-direito alto precisa, assim, apresentar um bom equilíbrio.

Veja como identificar um pé-direito duplo ou triplo

O pé-direito duplo é aquele que duplica o tamanho do pé-direito alto. É muito utilizado em casas bem altas e sobrados. A altura entre o piso e o teto, nesses casos, é de 5 metros.

Para os que preferem os ambientes ainda mais altos, existe o pé-direito triplo, que pode ultrapassar os 8 metros. Os ambientes que possuem essa classificação podem ser integrados e oferecer uma maior sensação de espaço, apresentando uma iluminação maior e uma melhor circulação de ar.

Dúvidas quanto à altura

Uma dúvida sempre frequente entre as pessoas que estão buscando um imóvel para comprar é se existe uma altura padrão para o pé-direito ou se existe uma altura que seja mais recomendável que outras opções.

Nesse sentido, não existe um padrão, já que o desenho de uma casa pode ser de diversos tamanhos e seguir diferentes estilos. Apesar disso, existe a recomendação de que o pé-direito tenha pelo menos 3 metros. Não é recomendável que essa altura fique abaixo de 2,8 metros.

Agora que sabe mais sobre pé-direito alto, convidamos você a conhecer um pouco mais sobre a nossa empresa. Navegue pelo nosso site e conheça mais sobre os nossos imóveis e empreendimentos. Também indique a leitura deste conteúdo para um amigo e leia outros materiais do nosso blog.

 

sc-imoveis-cta-infografico-investir-em-florianopolis