Checklist de viagem: deixe tudo em ordem e leve só o essencial

scimoveis

Saiba o que você não pode deixar de fora do seu planejamento para que a sua viagem seja perfeita.

Os momentos que antecedem uma viagem são marcados por um misto de emoções: ansiedade, vontade de chegar logo no seu destino, preocupação, receio de esquecer algo importante, e por aí vai.

Especialmente quando se está saindo de férias, como para passar a temporada de verão em Floripa num imóvel alugado, você vai precisar se certificar que deixou tudo em ordem e fez o dever de casa no planejamento para não ser surpreendido depois de já ter saído de casa.

Nessas horas, faz bem ter um checklist de viagem – uma das tradicionais listas com itens que você vai riscando na medida em que se certifica que tomou conta disso ou daquilo, seja colocar uma jaqueta na mala ou ligar o alarme ao sair de casa.

Para ajudá-lo a organizar a tarefa potencialmente conturbada de se preparar bem para uma viagem e poder fazer seu trajeto com tranquilidade, aí vão algumas dicas para que você monte um checklist na medida certa para a próxima viagem que você fizer.

 

Atenha-se ao essencial: menos é mais

Antes de passarmos para as dicas mais pontuais, queremos recomendar que você incorpore no seu modo de pensar – e, consequentemente, em toda sua preparação para a viagem – a ideia de que menos é mais.

É fácil perceber que, independentemente do tipo de viajante que estivermos falando, os mais experientes sempre são aqueles que levam menos bagagem, mas nem por isso passam por problemas ou deixam de aproveitar suas viagens.

Assim, tente aplicar essa lógica a todas as próximas escolhas que você fizer. Pergunte-se o que realmente é necessário e/ou faria uma boa diferença. No fim, percebemos quantos supérfluos acabamos levando conosco que, às vezes, sequer são utilizados, mas que ocupam espaço e são mais um item que exige nossa atenção para não acabar sendo deixado para trás.

 

Deixando a casa em ordem

Sua residência, seja casa ou apartamento, por si só exige um bom número de cuidados antes de você se ausentar para uma viagem. Confira alguns itens comuns que devem ser riscados do seu checklist:

  • Fechar e trancar todas as janelas;
  • Esvaziar as lixeiras;
  • Deixar ração e água suficientes para seu animal de estimação;
  • Combinar com alguém de confiança para conferir com uma certa frequência o bem-estar do animal de estimação;
  • Verificar se não há algum alimento estragando na geladeira;
  • Diminuir a potência da geladeira para consumir menos energia;
  • Remover aparelhos da tomada;
  • Desligar os registros de água;
  • Ligar os alarmes ao sair;
  • Trancar todas as portas. 

Transporte para chegar lá

Como você vai viajar? De carro, moto, ônibus ou avião? Se for utilizar seu próprio veículo, não se esqueça de fazer uma checagem básica de todos os itens – especialmente os de segurança. Se você já o mantém com a revisão em dia, conferir a calibragem dos pneus e os níveis de óleo são medidas simples e que fazem a diferença.

Se a próxima troca de óleo estiver próxima, convém efetuá-la antes da hora e em um local de sua confiança. Se for viajar com mais passageiros e carga, ajuste a calibragem dos pneus para compensar esse peso extra. E, claro, opte sempre por viajar com um tanque cheio e vá abastecendo de acordo com o necessário.

Agora, se você for viajar de ônibus ou avião, verifique com antecedência que suas passagens foram todas confirmadas e pagas. Além disso, tenha em mãos, em locais seguros, todos os documentos necessários para a viagem, bem como as passagens em si.

 

Fazendo as malas

Para algumas pessoas, fazer as malas (ou mochilas) é uma tarefa das mais difíceis. É normal sentir receio e preocupação diante da possibilidade de esquecer algo, mas isso não significa que você precise levar todos os calçados e roupas do armário.

Nessa hora, o melhor é pensar bem onde você vai ficar, quais serão algumas das atividades que você vai fazer e por quanto tempo estará longe de casa.

Por exemplo: vir passar o verão em Floripa logicamente significa incluir na sua bagagem roupas propícias para o calor, mas isso não exclui a possibilidade de enfrentar um dia ou outro que seja mais frio, com chuva ou vento, o que torna sensato trazer pelo menos algumas peças que lhe ajudem num dia desses.

Se você pretende fazer alguma trilha – coisa que inclui a travessia por terrenos mais acidentados –, levar uma boa bota de aventura é outra decisão bastante sensata.

Na pior das hipóteses, estando em cidades e bairros com grande comércio, você poderá adquirir quaisquer itens que você tenha esquecido.

 

Conferindo a hospedagem

Independentemente de onde você for se hospedar, alguns dias antes de sair de casa você deve fazer uma conferência total do status do local onde você vai ficar.

Se for num hotel ou hostel, cheque a confirmação da reserva e pagamento. Se for num imóvel alugado, dê uma ligada para a imobiliária para garantir que tudo está dentro dos conformes.

Caso você opte por alugar um imóvel tratando diretamente com o locatário, sem a intermediação de uma imobiliária, é importante também que você tenha confiança total e certeza da idoneidade do mesmo.

Recomendamos isso porque há casos de pessoas que negociam com indivíduos pela internet e que, ao chegar na cidade ou estando próximos da data da viagem, ficam sabendo de que se tratava de um anúncio falso e que a pessoa com quem negociaram na realidade não era dona do imóvel.

Esse golpe existe e, portanto, no caso de aluguel de imóvel, nossa indicação é que você opte por aqueles que contam com os selos de imobiliárias renomadas e que poderão garantir que você não passará por uma situação como essa.


Sobrou espaço?

Se depois de conferir tudo e fazer as malas com o pensamento de levar apenas o essencial (menos é mais) você ainda tiver algum espaço sobrando, esse é o momento em que você pode se permitir levar alguns “supérfluos” que possam tornar sua viagem ainda mais divertida.

Viajando de carro, por exemplo, pode ser que você consiga levar bicicletas junto, o que pode significar bons passeios próximos ao mar, aproveitando a beleza da praia. Ou então uma churrasqueira portátil, caso você alugue um imóvel que não conte com uma.

Enfim, aqui as possibilidades são várias, desde que elas cumpram o propósito de tornar sua viagem de férias de verão mais proveitosa. E se você escolher Floripa como seu destino, melhor ainda!

GUIA-FLORIPA